cropped-Brazil1.jpg

Thiago Amud, A marcha dos desacontecimentos (Sacradança, 2010)

Caetano Veloso, Os Argonautas (ispirata ai versi di Fernando Pessoa “Navegar é preciso / viver não é preciso”) (Caetano, português outra vez, RadioTelevisão Portuguesa, 1985)

 

Maria Bethânia, Vive (Oásis de Bethânia, 2012)

 

Arto Lindsay, Mundo civilizado (Mundo civilizado, 1996)

 

Psirico, Lepo lepo (Lepo lepo, 2013)

[Immagine: Murales brasiliano (it)].

Lascia un commento

Il tuo indirizzo email non sarà pubblicato.